25 de janeiro de 2012

Quem inventou a casquinha de sorvete?

BRASIL GANHA PRÊMIO DE MELHOR CASQUINHA DO MUNDO
Cada vez mais em destaque no país e no mundo, a gelateria brasileira tem surpreendido a todos nos concursos mundiais. O mais recente campeonato, a Copa do Mundo Gelateria 2012, coroou o Brasil como dono do troféu de Melhor Casquinha do Mundo.
Realizado em Rimini, na Itália, a copa está em sua 5ª edição. A equipe brasileira possui cinco integrantes, incluindo seu "capitão", Frederico Samora. "Trabalhamos duro para colocar o Brasil em lugar de destaque, pois o nível mundial da competição cresce ano a ano", afirma o chef gelatiere, que também é vice-presidente da Associação Brasileira dos Confeiteiros e Sorveteiros (Abraces).
Fred, como é chamado, passou 20 dias no final de 2011 treinando na Suiça e na Itália, atrás de tendências e novas técnicas para aprimorar as criações brasileiras durante o concurso.


Fonte: portalrcr


UM POUCO DE HISTÓRIA...


A invenção da casquinha de sorvete é controversa. Um imigrante italiano chamado Italo Marchiony reclama a autoria porque registrou uma patente de uma máquina de fabricação de casquinhas antes que alguém tivesse a ideia. Entretanto, há registros de franceses tomando sorvetes em copos confeitados ou em casquinhas muito antes da casquinha de sorvete norte-americana ser desenvolvida.


Independente de quem a tenha inventado, a casquinha de sorvete imprimiu sua marca na Exposição de Compras de Louisiana, em 1904, em St. Louis, no Missouri, com freqüência chamada de a Feira de St. Louis de 1904. Há histórias conflitantes sobre fabricantes de waffles que começaram a vender waffles dobrados em forma de casquinha para os fornecedores de sorvete cujos pratos tinham acabado. Seja como for, os fabricantes de waffle e os fornecedores de sorvete fizeram sucesso na feira e a ideia de tomar sorvete em uma casquinha comestível realmente agradou.
Abraços
Adriene

21 de janeiro de 2012

5ª Copa do Mundo de Sorvete

Alemanha, Argentina, Austrália, Brasil, Espanha, Estados Unidos, França, Japão, Itália, Marrocos, Suíça e Turquia: 12 países previstos, cada um deles com uma equipe participante. 5 componentes em cada equipe: o Chefe de Equipe, que faz parte do Júri Internacional, o Capitão Gelatiere, o Confeiteiro, o Escultor de Gelo e, como novidade desta edição, o Chef. No total, 60 concorrentes para 4 dias de competição e 1.920 horas de trabalho. 14 Membros do Júri e 2 Comissários de Provas. Estes são os números da quinta edição da Copa do Mundo do Sorvete, no programa da Sigep (Salão Internacional da Sorveteria,  Confeitaria e  Confeitaria Artesanal) de Rimini Fiera, de 21 a 24 de janeiro de 2012. 

No  transcorrer das 4 jornadas de concurso, cada equipe elaborará: taça decorada para serviço em mesa, torta gelada,cuba de venda decorada, cone gelado, entrée (com gelato “gastronômico”), sobremesa gelada no prato sobre o tema “Os frutos da Terra e do Mar”. O júri técnico, formado pelos 12 Chefes de Equipe, um de cada equipe,  presidido pelo Presidente do Júri, Mauro Petrini, assistido pelo Presidente Honorário do Júri 2012, Jean-Claude David, capitão da equipe francesa vencedora da quarta edição (2010), designarão a equipe ganhadora sob a supervisão dos Comissários de Concurso, Sergio Dondoli e Sergio Colalucci. Na terça, 24 de janeiro, acontecerá o Grande Buffet final, no qual serão expostas as esculturas de sorvete, chocolate e gelo, e a entrega de prêmios.

A Copa do Mundo de Sorvete, de caráter bienal, é dirigida aos profissionais da sorveteria, confeitaria e alta gastronomia dos 5 continentes e lhes oferece uma ocasião única de competição e estímulo de seu profissionalismo. Abre novos mercados à sorveteria artesanal de tradição italiana e aos produtos made in Italy.

A Copa do Mundo é um evento de grande visibilidade imediata, que outorga ressonância internacional às novas tendências do setor da sorveteria artesanal. Os protagonistas são os sorveteiros, que junto com outras figuras de elevada profissionalismo e com as empresas do setor, influenciarão as tendências mais qualificadas da alta gastronomia no mundo: é o triunfo do made in Italy.
O Concurso está organizado com base nos princípios de seriedade, profissionalismo e equidade e têm muito presente os novos mercados.
A Copa do Mundo de Sorvete só poderia acontecer na Itália, cuna do “sublime produto”, e em associação com SIGEP, o salão especializado líder do setor que, desde 1979, se dirige a sorveteiros, confeiteiros, chocolateiros e padeiros artesanais de todo o mundo.
 Equipe do Brasil:
FREDERICO JARDIM SAMORA - CAPTAIN GELATIERE
PHILIPPE JACQUES ANDRE SOFIETTI - PASTRY SCULPTURE 
MARCELO BORGES MAGALDI - MASTER CHEF
SANDRO JORGE MOTA DA SILVA - MASTER CHEF & SOMELIER 
EDUARDO DE OLIVEIRA BELTRAME - PASTRY SCULPTURE

11 de janeiro de 2012

Feliz 2012!

COM ESSA LINDA MENSAGEM DESEJAMOS QUE SEU 2012 SEJA DE MUITAS DESCOBERTAS E SUCESSO.
UM GRANDE ABRAÇO,
MAURICIO E ADRIENE